26 de maio de 2014

Podia ser verdade…. Passadiço na ribeira da Mota

 

Pode já ninguém lembrar-se, mas as obras do que seria o Parque de Lazer da Ribeira da Mota, próximo da ponte da Lavandeira, foi uma das bandeiras do programa eleitoral da lista do Partido Socialista nas eleições autárquicas de 2009 para a freguesia de Guisande. Claro que foi uma das muitas promessas por cumprir. Nada se fez como, pelo contrário, o espaço original, com alguma vegetação e árvores, foi destruído com o depósito de terras e britas que ali funcionou durante as obras de construção da A32, sendo que ninguém sabe quanto rendeu tal aluguer. Uma triste tristeza mas nada que espante tal a miséria de governação a que estivemos sujeitos.


Entretanto, e podia ser verdade, sabe-se que uma das primeiras obras a realizar no território de Guisande pela futura Junta da União de Freguesias de Lobão, Gião, Louredo e Guisande, será a construção de um passadiço e circuito na margem da ribeira da Mota, desde o lugar da Igreja até ao lugar do Reguengo, sendo que a obra será para continuar para norte passando pela ponte do Cascão entre Louredo e Gião e continuando pelo menos até ao lugar da Mota já em território de Canedo.


Esta obra, a exemplo do que já acontece nas Caldas de S. Jorge, Lobão e Fiães, junto ao rio Uíma, permitirá a prática saudável de passeios e caminhadas junto ao rio num ambiente de natureza, podendo-se ouvir o coaxar das rãs e sinfonias de melros e outras passaradas canoras. Podia ser verdade…

Abaixo algumas imagens de como poderá ficar (clicar para ampliar):

 

image

image

image

Comente com o Facebook:

Sem comentários:

Enviar um comentário

Comentários sujeitos a prévia moderação. Comente com elevação e de forma contextualizada.